Museu do Quiejo de Peraboa

Está de férias? Conheça os museus de queijos pelo mundo

Portal do Queijo Dicas 2 Comments

Quem ama queijos sabe o quanto é delicioso  conhecer os diversos tipos, histórias e processos de fabricação desta iguaria. Imagine então encontrar pelo mundo museus sobre queijos? Por isso, aproveitando o período de férias, preparamos um roteiro com alguns museus do queijo, de Amsterdã até Medeiros, em Minas Gerais. Confira as nossas dicas e inclua uma delas em seu próximo roteiro de passeio.

 Museu do Queijo de Pêraboa – Covilhã

Museu do Queijo de Pêraboa - Covilhã (Foto: https://beira.pt)

Museu do Queijo de Pêraboa – Covilhã (Foto: https://beira.pt)

Situado a apenas 14 km da Covilhã, em Portugal, você encontrará o interessante Museu do Queijo. Este museu permite ao visitante conhecer o processo de fabricação de um dos melhores queijos do mundo-  o Pêroba- iguaria apreciada e reconhecida internacionalmente. Numa área bruta de 634 m², localizada na Freguesia de Pêraboa, o museu tem dois trajetos paralelos:  um museológico e um gastronômico,  o que permite diferentes experiências sensoriais aos visitantes. Por meio de um percurso real e recursos de multimídia, o visitante pode conhecer o meio e o ambiente que envolve a arte e o processo de fabricação artesanal do queijo da Serra, bem como as técnicas e os utensílios utilizados ao longo dos tempos para confeccionar esta iguaria. Neste espaço museológico é ainda possível conhecer as características do queijo de ovelha Kosher, produzido em Pêraboa segundo os preceitos da religião judaica.

Museu do Queijo de Amsterdã

Museu do Queijo de Amsterdã (Foto: Luiza Junqueira)

Museu do Queijo de Amsterdã (Foto: Luiza Junqueira)

Localizado em Amsterdam, na Holanda, este museu conta um pouco da história dos queijos da região. O queijo holandês tem mais de 600 anos de tradição e, por isso, nada mais justo que ter um museu totalmente dedicado a ele. No edifício de dois andares, é possível conhecer os diferentes tipos de queijos, muitos deles com nome de cidades da Holanda: Gouda, Edam, Leerdammer, Leyden, Maaslander e Maasdam. Entre os itens expostos, o destaque fica por conta do cortador de queijo mais caro do mundo, com diamantes incrustados e valor aproximado de € 26 mil (cerca de R$ 80 mil). Na parte subterrânea do museu, ficam expostas as peças mais antigas utilizadas nas queijarias holandesas para a fabricação do gouda: na coleção encontram-se formas de madeira, liras, latões de leite, prensas, balanças usadas no tradicional mercado Holandês, além dos famosos acessórios Boska desenvolvidos especialmente para o corte de queijos, enfim, várias peças que contam a história do desenvolvimento da indústria queijeira na Holanda.

Vale do Emmen

Produção de queijo no Vale do Emmen (Foto: Reprodução/Facebook)

Produção de queijo no Vale do Emmen (Foto: Reprodução/Facebook)

Localizado a cerca de 100 km e a uma hora de trem de Bern, na Suíça, a cidade de Affoltern é o destino perfeito para os apaixonados por queijo. Lá pode-se acompanhar todo o processo de produção do emmental, o famoso queijo suíço com furos, em visitas autônomas ou em grupos que custam entre € 2 a € 10 — com direito a passar pela experiência de produzir, no fim da visita, um queijo fresco. Os visitantes primeiro conhecem o Küherstock, ou Stöckli (prédio residencial), construído em 1741. Pode-se ver como o queijo era feito manualmente no século XVIII, sob um fogareiro e com utensílios artesanais. Os grupos podem agendar com antecedência uma visita com fabricação do queijo pelo método tradicional. Por outro lado, quem for à pequena cidade do Vale do Emmen poderá visitar também uma linha de produção mais moderna do queijo, em cozinhas e fornos industriais. E acompanhar todas as etapas, desde a preparação do leite, a criação das rodas e a maturação do queijo — com explicações sobre a formação dos famosos buracos, que devem ter tamanho de moedas de 20 centavos a dois francos, ou entre 0,9 e dois centímetros.

 Museu do Queijo de Alkmaar

Museu do Queijo de Alkmaar (Foto: http://www.conexaoamsterdam.com.br)

Museu do Queijo de Alkmaar (Foto: http://www.conexaoamsterdam.com.br)

Localizado no segundo e terceiro andares da casa de pesagem de Alkmaar (Holanda), o Museu do Queijo Holandês foi criado para explicar a produção de queijos, sua história e seu lugar na cultura do país. A construção era originalmente uma capela, mas foi transformada na casa de pesagem ao longo dos séculos e hoje é casa de pesagem e museu. A fama dos queijos da Holanda é mais antiga que a fama de suas tulipas. O museu foi fundado para preservar a história da produção regional de queijo, a despeito do advento da produção em fábricas.

Fábrica de queijos – La Maison du Guyères Fromagerie

Fábrica de queijos - La Maison du Guyères Fromagerie (Foto: http://www.cumbicao.com.br)

Fábrica de queijos – La Maison du Guyères Fromagerie (Foto: http://www.cumbicao.com.br)

Localizado na cidade de Gruyères, na Suiça,  a fábrica de queijos possui visitações que  ocorrem em vários horários ao longo do dia. Os visitantes acompanham por janelões de vidro todo o processo de fabricação e podem até degustar um pedacinho de um dos queijos mais famosos do mundo. Seu sabor é pronunciado e a cor amarela. Quando mais novo, mais macio e suave. Seu tempo de preparo pode levar de 3 a 10 meses.

Museu Queijo Canastra

Museu Queijo Canastra (Foto: http://portal.iphan.gov.br)

Museu Queijo Canastra (Foto: http://portal.iphan.gov.br)

Localizado em Medeiros, um dos municípios integrantes do Circuito da Serra da Canastra, em Minas Gerais, a 286 km da capital Belo Horizonte, o Museu do Queijo de Medeiros começou a ser implantado após a reforma do prédio do antigo Matadouro Municipal, com recursos da Prefeitura de Medeiros e da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

E que tal depois desses passeios aprender como fazer uma boa harmonização com queijos europeus? Confira aqui todas as dicas do Portal do Queijo.

Já pensou o que vai fazer nas férias? Visitar museus é uma boa pedida. Mande fotos ou depoimentos para o e-mail: redacao@portaldoqueijo.com.br.

Compartilhe esse post

Comments 2

    1. Portal do Queijo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *