Personalidade: Paulo Henrique de Almeida

Portal do Queijo Personalidades do Queijo Leave a Comment

Conhecemos Paulo Henrique de Almeida na feira Aproxima, que aconteceu em Belo Horizonte,  em novembro de 2016. Lá conversamos um pouco sobre o mercado de queijos e o queijo da Canastra, região que representa. Paulo atua há mais de sete anos no mercado de queijos e fabrica o Queijo Minas Artesanal da Canastra. Confira:

Qual a importância da existência de uma associação para os produtores?

É fundamental, uma vez que ela realiza a defesa dos seus interesses junto a órgãos governamentais, além de parcerias com entidades apoiadoras e desenvolve trabalho de apoio e inserção a comercialização do queijo, além da assistência técnica para os produtores.

Queijo Canastra produzido por Paulo Crédito: Divulgação

Queijo Canastra produzido por Paulo Crédito: Divulgação

Como você vê o mercado de queijos atualmente?

Mercado em franca expansão, permitindo a valorização do sabor e dos produtos agroartesanais.

Qual a característica de um bom queijo?

Representar o conhecimento empírico das pessoas responsáveis pela sua produção, características únicas e adequação produtiva.

Explique mais sobre o queijo da Canastra

O queijo tradicional da Canastra ficou conhecido por ter uma casca amarela por fora e por ser macio e saboroso por dentro. Hoje, o Queijo da Canastra ficou tão famoso que o seu modo de produção é reconhecido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como patrimônio cultural imaterial brasileiro, desde 2008.

O queijo da Canastra possui três apresentações:

O tradicional Queijo da Canastra, que pesa cerca de 1 quilo, tem 17 cm de diâmetro e leva 22 dias para sua maturação. O queijo Merendeiro é o menor queijo produzido na região, com cerca de 300g e 10 cm de diâmetro. Já o Canastra Real pesa entre  5 e 7 quilos e precisa de um tempo maior de cura.

 

Qual a característica de um bom queijo?

Representar o conhecimento empírico das pessoas responsáveis pela sua produção, características únicas e adequação produtiva.

 

APROCAN SEGUNDO PAULO:
A Aprocan promove encontros mensais para desenvolver a cultura do  associativismo entre os produtores da região. A associação é responsável por proteger o uso do nome Canastra e cuida para que outros produtores não se apropriem do nome da região. Além disso, oferece suporte de veterinários que  visitam as fazendas, orientam e prestam apoio técnico aos produtores associados.

 

Onde comprar?

Fazenda Santiago Batatas
Estrada de São Roque de Minas
Silo da Cooperativa,  Km5
Contato: (37) 988311-1308

E aí, conhece alguma pessoa importante nesse setor? Conte pra gente! Envie um e-mail para redacao@portaldoqueijo.com.br e fique ligado que, em breve, teremos mais personalidades aqui no Portal!

Compartilhe esse post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *