Não posso comer queijo?

Intolerância a lactose. Será que nenhum tipo de queijo é permitido?

O queijo é aquele produto que não pode faltar na mesa do brasileiro. Porém um dilema aparece na vida de aproximadamente 70% da população adulta. Após  consumir o produto, entra em ação um desconforto abdominal, náuseas e até inchaço na região da barriga.

Esses sintomas geralmente indicam a intolerância à lactose.2016-portal-do-queijo---não-posso-comer-queijo-1png

Ela ocorre quando o organismo não realiza a quebra do açúcar que contém no leite e em seus derivados.  Significa que a enzina responsável por esse processo – a lactase – não é produzida pelo organismo ou é produzida em pequena quantidade.

Quando esse açúcar chega ao intestino grosso é fermentada por bactérias que fabricam ácido lático e gases, promovendo retenção de água causando o desconforto na região. O ideal é procurar um nutricionista e controlar a situação com remédios e dietas.

 

Tenho intolerância, não posso mais comer queijos?

Muitos alimentos não contêm a lactose – o açúcar derivado do leite – e alguns queijos têm o teor de lactose reduzido, o que não impede o consumo. Isso inclui alguns tipos de queijos.

O que pode ser observado é o processo de fabricação e maturação de alguns queijos, que eliminam quase por completo a presença da lactose. Confira:

  • Durante o processo de maturação dos queijos, bactérias agem em seu interior, e elas se nutrem de lactose. O que significa que, quanto maior o tempo de maturação do queijo, menos lactose ele terá.
  • A lactose é um açúcar, que é dissolvido em água. Isso significa que, o soro retirado do queijo leva junto uma grande quantidade de lactose. Então, queijos mais secos, que tem a lavagem da massa, costumam ter um menor índice de lactose.

 

Confira a porcentagem média de alguns produtos à base de leite, incluindo alguns tipos de queijo:

2016-portal-do-queijo---não-posso-comer-queijo-2png

 

Nós já falamos sobre a intolerância à lactose, confira! Fique por dentro das nossas notícias relacionadas ao consumo de queijo. Assine a nossa newsletter e receba as novidades!

 

Fonte: Associação Brasileira das Indústrias do Queijo (ABIQ)

Compartilhe esse post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *