Queijo Azul de Minas - foto Cruzília

Queijo mineiro é premiado na Noruega

Portal do Queijo Consumidor, Destaque Universo Queijeiro, Notícias 2 Comments

O queijo Azul de Minas, produzido pela Laticínios Cruzília, da cidade de Cruzília/MG recebeu a medalha de  prata no 31º Mundial de Queijos, realizado neste ano em Bergen, na Noruega. A premiação aconteceu no último dia 2 e avaliou 3.472 queijos.

O queijo apresentado foi um gorgonzola,  a cerca de 320 quilômetros de distância de Belo Horizonte, produzido pelos irmãos  Luiz e Carlos Medeiros Almeida. O queijo de leite pasteurizado é  curado por cerca de 45 dias.

O grande campeão do concurso foi o Fanaost, um gouda envelhecido e produzido pelo norueguês Jørn Hafslund.

Descobrimos no site do jornal espanhol El País fotos dos queijos premiados, confira.

Sobre Portal do Queijo

Portal do QueijoHá mais de 20 anos de mercado, Lorenza Coelho, onde passou por todos os tipos de veículos de comunicação. Atualmente, dirige uma empresa de comunicação (www.leccomunica.com.br) onde trabalha com diversos estabelecimentos gastronômicos e convive diariamente com chefs. Nascida em Congonhas/MG, não tem como amar o queijo. Por onde passa, gosta de conhecer e apreciar essa iguaria.

Compartilhe esse post

Comments 2

  1. O queijo mostrado na reportagem não está na lista dos 16 mais bem avaliados pelo ocorrido na Noruega. Ele não ganhou medalha de prata? Não seria o segundo mais bem avaliado. Tem algum defeito nesta matéria.

    1. Mineirinho

      Obrigado pelo retorno. Nós destacamos que ele ganhou medalha de prata por ser um queijo brasileiro. E isso nos enche muito orgulho! Continue curtindo nossas matérias. Seu participação é importante!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *